Arquivo da tag: Venilo

Bíblia Pauperum – Ilustrações para os pobres

Ainda falando de Xilogravura, descobri sobre a Bíblia Pauperum, que em latim significa “Bíblia dos pobres”. Esse título é utilizado para se referir a um conjunto de imagens do final da Idade Média que retratavam as  narrativas bíblicas, de forma ilustrativa. Mas sabe como é né, apesar de serem rotuladas como “Bíblia dos Pobres”, esses volumes não tinham por intenção serem adquiridos pelos pobres, até por que algumas versões eram muito ricas e caras. Porém, os Block-books (livros xilográficos) se tornaram uma opção bem mais barata e acessível, que poderiam ser adquiridos pelos padres que não tinham como pagar por uma edição manuscrita em pergaminho. E assim poderiam compartilhar o evangelho com aqueles que não sabiam ler, que no caso, era a maioria da população 😉

“A Biblia Pauperum contém no mínimo 34 grupos de imagens que se estruturam da seguinte maneira: no centro se encontra uma cena do Novo Testamento, normalmente um acontecimento da vida de Jesus, flanqueado por duas cenas do Antigo Testamento” Ingo Walther, Obras Maestras de la Iluminacón, p. 250 . Também haviam textos que saiam da boca dos personagens em pergaminhos, que no caso, deram uma prévia dos quadrinhos modernos.

Interessante que primeiro se começou com iluminuras feitas à mão em manuscritos  feitos em papel velino, que era de melhor qualidade que o pergaminho. E no século XV, já a xilogravura começou a aparecer. Era mais comum aparecer em forma de Block-books, visto muito na Holanda e na Alemanha, no qual,  os textos e as figuras eram feitos em   uma xilo única que cabiam numa página inteira.   “Quando foi possível imprimir usando a técnica da xilografia sobre ambas as páginas de cada folha, muitas dessas imagens foram reunidas para formar os primeiros livros xilografados. Os temas escolhidos eram populares como, tratados sobre a fé, avisos de como evitar as pestes e a morte. Estes livros de tipologia gravada em madeira, com ilustrações xilográficas tentavam imitar os manuscritos e as iluminuras dos monges copistas. Muitas vezes após a impressão eram acrescentadas cores nas imagens para que o resultado final fosse o mais próximo possível de um manuscrito”.

Alguns dos gráficos foram adaptados em tapeçarias, vitrais, esculturas, e pinturas. O nome Biblia pauperum foi aplicado por estudiosos alemães na década de 1930.

Legal né?

É isso aí povo! Vamos estudando e aprendendo!

T.M.

Fonte:

http://www.fowlerbiblecollection.com/biblia-pauperum.html

http://en.wikipedia.org/wiki/Biblia_pauperum

http://gramatologia.blogspot.com.br/

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , ,